25/04/15

15 FATOS CURIOSOS SOBRE FRIDA KAHLO


O nome completo da pintora mexicana Frida Kahlo era Magdalena Carmen Frieda Kahlo y Calderón.

Frida nasceu numa pequena localidade do México chamada Coyacán – um distrito da cidade do México atualmente. Uma das principais referências de Coyacán é o estádio Azteca, famoso por sediar importantes jogos de futebol.

Guilhermo Kahlo, o pai de Frida, era de origem alemã e se chamava Carl Wilhelm Kahlo. Chamada Matilde Gonzales y Calderón, a mãe de Frida era mexicana com antepassados espanhóis e indígenas.

Aos seis anos de idade, Frida contraiu poliomielite, doença que deixou uma lesão em um de seus pés e fez com que ficasse com uma perna mais fina do que a outra. A polio mudaria pelo resto da vida o seu modo de andar. Mas essa não foi a única tragédia em sua vida.

Quando tinha 18 anos, Frida sofreu um grave acidente de ônibus. Uma barra de ferro atravessou o seu abdômen, deixando-a entre a vida e a morte. Além disso, ela sofreu múltiplas fraturas e teve a coluna afetada. Frida sofreu 35 cirurgias e teve que passar o restante da vida com sequelas do acidente.

Frida era estudante na época em que sofreu o acidente. A pintora só se revelaria durante o período de convalescença. Sua mãe comprou telas, tintas e pinceis para que ela pudesse pintar na cama. Um de seus primeiros quadros foi um auto-retrato.

Três dos seus quadros foram apresentados ao pintor Diego Rivera, por quem Frida acabaria se envolvendo pelo restante da vida. Quando se casaram, ela tinha 22 anos e ele, 43.


Clique aqui para continuar a leitura.

21/04/15

20 CURIOSIDADES INCRÍVEIS SOBRE LISBOA


Lisboa é a capital mais ocidental da Europa, e a única às margens do Atlântico.

Com aproximadamente 550 mil habitantes, Lisboa é a cidade mais populosa de Portugal. Sua área metropolitana abriga cerca de 3 milhões de pessoas, quase 30% da população do país.

A região da Grande Lisboa abrange, além da capital portuguesa, as cidades de Queluz, Amadora, Loures e Odivela.

Reza uma lenda que Lisboa teria sido fundada pelo herói grego Ulisses, um personagem da Ilíada e da Odisseia, de Homero.

Lisboa é habitada desde o período Neolítico – ou seja, aproximadamente 10.000 a. C. –, e por lá passaram povos como fenícios, celtas e romanos.

A maior tragédia da história de Portugal foi o terremoto de Lisboa, em 1755. Boa parte das suas construções desabaram com o tremor, e as que não desabaram foram destruídas por um grande incêndio. Como se não bastasse, a cidade foi atingida por uma tsunami. Calcula-se que o terremoto tenha matado cerca de 40 mil pessoas.

Escrito pelo francês Voltaire, o conto filosófico Cândido foi em parte inspirado no grande terremoto de Lisboa.

Os habitantes de Lisboa são por muitos chamados de alfacinhas, talvez porque em outros tempos havia muitas plantações de alface nas colinas da cidade.

Uma das cidades com maior porcentagem de idosos em Portugal é Lisboa. Enquanto a média de idoso na população portuguesa é de 16%, em Lisboa esse número salta para 23%.


Clique aqui para continuar a leitura.
 

20/04/15

CURIOSIDADES E FATOS SOBRE AS ALERGIAS


A alergia é uma resposta fora do comum do sistema imunológico a uma substância estranha ao corpo.

Mais de dois bilhões de pessoas em todo o mundo sofrem de algum tipo de alergia. A previsão dos médicos é de que esse tipo de problema atinja pelo menos metade da humanidade nos próximos anos.

As alergias atingem quase 30 milhões de brasileiros, ou seja, 15% da população do país.

Os habitantes de países em desenvolvimento tem 50% menos alergias do que os dos países mais ricos. Pessoa que vivem no campo são menos suscetíveis do que as que moram em cidades.

Um estudo feito em países como a Alemanha constatou que as crianças que tomam leite cru, tem contato frequente com animais e brincam com terra são 75% menos suscetíveis à alergias do que as crianças que vivem nas grandes cidades.

Os cientistas suspeitam que pais super-protetores, que impedem os filhos de andarem descalços, mexerem com a terra e brincarem com animais estão deixando essas crianças doentes. Ela desenvolvem muito mais alergias do que as crianças que vivem soltas.

A ideia de que a alergia é uma mal curável não passa de mito. As pessoas alérgica tem predisposição genética que facilita o surgimento dos sintomas e com ela devem conviver o resto da vida.

As vacinas antialérgicas não curam o problema. Elas apenas diminuem a sensibilidade à substância que provocava o problema.

A pessoa pode desenvolver alergias em qualquer fase da vida. Casos de mulheres que desenvolveram alergia a cosméticos – apesar de ter usado esse produto durante décadas – depois dos 50 anos são mais comuns do que se imagina.


Clique aqui para continuar a leitura do texto.

15/04/15

21 FATOS CURIOSOS SOBRE A MESOPOTÂMIA



A Mesopotâmia é uma região entre os rios Tigre e Eufrates, no território do atual Iraque. Mesopotâmia quer dizer “terra entre rios” (do gregos “mesos”, que significa “entre”; e “potamus”, que quer dizer “rios).

Os rios Tigre e Eufrates nascem no leste da Turquia, atravessam o território do atual Iraque e desembocam no Golfo Pérsico.

A Mesopotâmia é parte de uma região por muitos chamada de Crescente Fértil. O Crescente Fértil compreende os atuais Iraque, Síria, Israel e Egito. Ela tem o formato de um arco que muito lembra uma lua crescente.

Tudo indica que as primeiras civilizações da história surgiram nessa região, bem como às margens do rio Nilo. Alguns historiadores consideram que também foi lá que apareceram a agricultura, a criação de animais e a escrita.

A Mesopotâmia foi habitada por diversas civilizações, entre elas os sumérios, os assírios e os babilônios. Por lá também passaram hebreus, persas, gregos e mongóis.

As principais cidades da Mesopotâmia foram Ur, Uruk, Nínive, Babilônia, Akkad, Kish, Hatra, Babel, Acádia e Nimrud.

Os povos que habitaram a Mesopotâmia falavam línguas semitas, um conjunto linguístico do qual fazem parte o hebraico e o árabe. Entre as línguas semíticas, vale lembrar do caldeu, do assírio, do acadiano e do ugarítico.

O primeiro povo a dominar a Mesopotâmia foi o sumério. Ele se fixou próximo ao Golfo Pérsico, no sul da região. Fundaram cidades como Ur, Uruk e Lagash.

Foram os sumérios que desenvolveram a escrita cuneiforme em 3 500 a.C., um tipo de escrita feita com objetos em forma de cunha. Os primeiros registros foram feitos em tabuletas de argila.


Clique aqui para continuar a leitura.

09/04/15

10 CURIOSIDADES SOBRE O PLANETA URANO


O planeta Urano recebeu esse nome em referência ao deus Urano, pai de Cronos e avô de Zeus na mitologia grega.

Urano foi descoberto em 1 781 pelo astrônomo alemão William Herschel. Detalhe: foi o primeiro planeta descoberto com a ajuda de um telescópio.

Visto a olho nu, Urano é apenas um ponto pálido no céu. Por esse e outros motivos – sua órbita lenta, por exemplo –, ninguém jamais lhe deu bola. O detalhe é que ele é conhecido desde a antiguidade.

Assim como os outros gigantes gasosos, Urano possui um sistema de anéis ao seu redor. Foi o segundo sistema a ser descoberto, após o sistema de Saturno.

Ao contrário das demais luas do Sistema Solar, que receberam nomes de seres mitológicos e deuses, os satélites de Urano foram batizados com nomes de personagens das peças de William Shakespeare. Entre esses nomes estão Miranda, Cordélia, Ofélia, Desdemôna, Titânia e Rosalinda.


Clique aqui para ler o restante do texto.

02/04/15

CURIOSIDADES SOBRE AS GIRAFAS


As girafas eram chamadas pelos romanos de camelos-leopardos. Eles acreditavam que elas eram resultado do cruzamento do camelo com o leopardo.

Apropriada para pegar as folhas das árvores – principalmente da acácia, uma árvore típica da África –, a língua da girafa chega a medir até 50 centímetros. Aliás...

Você sabia que a girafa é o único animal conhecido que consegue alcançar a orelha com a própria língua?

Acredite se quiser, mas as girafas costumam comer durante 20 horas seguidas.

Girafas costumam dormir em pé. São poucas as situações em que elas se deitam.

A girafinha já nasce com altura de jogador de basquete: até 2 metros. Como as mamães-girafas não se deitam para dar à luz, o bebê despenca de uma altura de dois metros e meio.

Os filhotes são bastante visados pelos predadores. Entre 50% e 70% das girafinhas não chega à idade adulta porque são presas de leões, hienas e outros carnívoros.


Clique aqui para ler o restante do texto. 

30/03/15

CURIOSIDADES SOBRE A ONÇA-PINTADA


A onça-pintada é um animal da família dos felinos. Os felinos são animais do filo Chordata (animais com coluna vertebral), classe Mammalia (mamíferos), ordem Carnívora (carnívoros) e subordem Feliformia.

A onça é um animal típico do continente americano. Era encontrada do sul do Estados Unidos ao norte da Argentina. Detalhe: a onça não é mais vista nos Estados Unidos desde o início do século XX.

A onça é o terceiro maior integrante da família dos felinos, atrás somente do leão e do tigre. O padrão de comprimento é 2,60 metros do focinho até a cauda e de peso, 160 quilos.

A onça-pintada é em muitos países chamada de jaguar. Detalhe: jaguar é um nome de origem tupi que, ao contrário de muitas palavras indígenas, não é utilizada entre os brasileiros.

As onças são identificadas através das pintas. O padrão de pintas é único para cada indivíduo e funciona como as impressões digitais nos seres humanos.

A onça-pintada possui a mordida mais poderosa entre todos os felinos – e até mais poderosa do que a mordida do leão e a do tigre. Com quase 5 centímetros, seus dentes são capazes de esmagar o casco de uma tartaruga.

As onças chegam a comer até 10% do seu peso em uma única refeição.

O sentido mais aguçado da onça é a audição.

O cardápio da onça inclui cerca de uma centena de espécies: antas, pacas, cutias, capivaras, queixadas, pacus, veados, macacos, jacarés etc.

Onças são excelentes nadadoras. Elas são capazes de nadar até 1 quilômetro de uma margem a outra de um rio atrás de comida.


Clique aqui para continuar lendo o texto.